A Céu Aberto

Amor ou Paixão?

Paixão, palavra curta para prova tamanha

Corrida em curva, escalada em despenha

Ambivalência, na exaltação dos sentidos

Incandescência, na frigidez do rendido!

 

Loucura temerária, na razão desabrida

Entrega contrária, em corpo e em vida

Na comunhão de um sentimento total?

Não, a sensação, daquele prazer irreal!

 

Qu’a existência disforma, no seu porquê

Falta de tornas, que o investimento dê

Só a constância, duma ligação sem dor

Provê a lembrança, do que é o Amor!

 

Uma prova real, uma longa maratona

Escalada integral, uma remota sonda

Descobrindo além, pela total eternidade

A natureza d’alguém, a sua imensidade!

 

Viajando nesse espaço, por si interminável

O amor é o laço, qu’envolve o inexorável

Dos seres que se querem, em total lucidez

Das paixões que ferem, no amor que se fez!

Anúncios
This entry was published on 29 de Novembro de 2012 at 16:51. It’s filed under Poesia and tagged , , , . Bookmark the permalink. Follow any comments here with the RSS feed for this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: